Buscar

TREINO AO AR LIVRE


Hoje o dia está super agradável, e é um excelente dia para treinar ao ar livre.


No treino de hoje, treinamos os comandos senta, deita, fica, vem e junto.


Todos esses comandos são úteis nas atividades do cotidiano e os treinos devem ser consistentes.


Eu e o Ariel frequentamos este espaço durante a semana porque não há muitas pessoas e nem muitos cães.


E se você vier bem cedo pela manhã, melhor ainda, o espaço é todo seu.


Este tipo de lugar é ideal para treinar o seu cachorro se ele já domina bem os comandos que você ensinou dentro de casa e você sente que está na hora de passar para o próximo estágio do treinamento que é fora de casa.


A casa é o ambiente onde o seu cachorro está habituado com os sons, os cheiros, os movimentos, as pessoas e outros animais que circulam por ela.


Dentro de casa, você pode iniciar os treinos escolhendo uma parte da casa onde vocês possam ter uma certa privacidade, onde não há muita interferência para que o seu cachorro possa manter o foco no exercício. Utilize sempre a guia para corrigir e direcionar o seu cachorro quando ele se distrair ou quebrar o comando.


Outro fator importante é o alimento. Se o seu cachorro tem o food drive alto, que é o interesse pelo alimento, aproveite o alimento para treinar o seu cachorro. Se o seu cachorro tem o food drive baixo, você pode fazer os treinos com a guia ou outras ferramentas de comunicação que o resultado será o mesmo.


O alimento, bem como o carinho e o elogio verbal são algumas moedas que você pode utilizar para pagar o cachorro pelo trabalho executado.


Jamais ofereça alimento a mais só porque o seu cachorro parece estar entediado ou aborrecido. Cães gostam de agradar os seus tutores e gostam de trabalhar e serem pagos por isso, ofereça as moedas de troca pelo trabalho bem executado.


Muitos cães domésticos que vivem em centros urbanos tem problema de sobrepeso, obesidade e todas as doenças resultantes da falta de exercício físico, mental e alimentação em excesso.


E você é responsável por controlar o alimento e a quantidade de atividade física e mental do seu cachorro diariamente.


No treino de hoje, trouxe comigo alguns grãos da ração da porção diária do Ariel.


O alimento utilizado durante os treinos, é parte da porção diária e não uma porção extra do alimento. E a porção final será oferecida ao Ariel quando voltarmos para casa, como pagamento pelo bom comportamento durante os treinos e a caminhada da manhã.


Procure não utilizar apenas o alimento, procure alternar a moeda de troca, você pode alternar com elogios verbais e carinho físico.


Isso é muito importante porque há cães que ao perceberem que você não tem nada de gostoso para oferecer, não atendem ao comando e simplesmente te ignoram.


Alternar a moeda de troca faz com que o seu cachorro fique sempre na expectativa de receber um bom pagamento. Fazendo com que ele esteja atento a você e aos seus comandos.


Eu gosto de utilizar o alimento nos primeiros momentos dos treinos até que o cachorro entenda o que eu quero, e aos poucos vou retirando o alimento.


Neste treino, eu deixei o Ariel livre, sem a guia. Isso porque ele atende aos meus comandos quando chamado.


Muitos tutores soltam seus cães antes do tempo. E isso é muito perigoso, cães que vivem em centros urbanos devem ser muito bem treinados antes de ganharem a liberdade.


A liberdade é uma grande conquista que exige muitas horas de treinos e muito esforço.

Se o seu cachorro não atende ao seu chamado, isso significa que ele ainda não está preparado para andar livremente em espaços abertos.


Após treinar muito bem o seu cachorro dentro de casa, está na hora de você sair para as ruas, sempre com a guia..


Nas ruas, as interferências são bem maiores, há inúmeras distrações como: pessoas, bicicletas, outros animais, skate, veículos, sons e cheiros que podem desviar a atenção do seu cachorro. Fazendo com que ele fique mais interessado no que está acontecendo nas ruas do que em você.


Muitos tutores reclamam que seus cães não prestam atenção no que estão dizendo, e querem saber o que fazer para que seus cães estejam mais atentos a eles.


Fazer com que o cachorro fique atendo a você pode ser um grande desafio para muitos tutores porque desafia a paciência.


Por isso a necessidade de muitas horas de treinos. O vínculo que você cria com o seu cachorro dependerá do tempo e da habilidade para treinar corretamente o seu cachorro.


Treinos inconsistentes, resultam em cães que não atendem aos comandos e que fazem as escolhas que acharem mais conveniente naquele momento.

Para que o seu cachorro esteja sempre atento a você, é necessário que você seja muito mais interessante que qualquer outra coisa que passar por vocês durante o trajeto.


O treino do nome e do vem são treinos que você deve fazer com o seu cachorro diariamente, desde o primeiro dia que você o trouxer para a sua casa.


Quando o seu cachorro estiver atendendo esses comandos dentro de casa, você pode iniciar os treinos fora de casa com a guia.


Se perceber que o seu cachorro está muito disperso com o que está acontecendo nos arredores, procure um ambiente externo mais calmo.


Se mesmo assim ele ainda estiver atento aos movimentos ao redor e não estiver te obedecendo, volte aos treinos dentro de casa. O seu cachorro lhe dirá quando estiver preparado para a próxima etapa por meio do comportamento.


As interferências devem ser introduzidas aos poucos. Manter o seu cachorro atento a você, requer muita paciência e dedicação. E todo esse esforço vai valer a pena.


Treinar o seu cachorro adequadamente, facilita a sua vida lá na frente.


Você pode ter um cachorro educado, e tudo vai depender de quanto tempo e paciência você tem para dedicar na educação do seu cachorro.


Uma pergunta bastante frequente é quanto tempo demora para adestrar um cachorro. A resposta é: depende, depende de quanto você treinar o seu cachorro diariamente, do perfil do seu cachorro, tem cachorro que aprende mais rápido, outros levam mais tempo para aprender o mesmo comando.


O tempo de aprendizado também dependerá da ferramenta de comunicação utilizada.


Resumindo, quanto mais você treinar, mais rápido o seu cachorro aprenderá.


Se você contrata um profissional da área para te orientar, o período que você e o seu cachorro passam com ele é um período bastante curto.


Mas isso não significa que você não terá que treinar mais o seu cachorro após o término das aulas com o adestrador.


Os treinos diários fazem parte do gerenciamento da rotina do seu cachorro e esse gerenciamento deve ser feito até o último de dia vida do seu cachorro.


Assim como não existem humanos perfeitos, não existem cães perfeitos. Mas, você pode moldar o comportamento do cachorro, adequando os treinos à sua agenda diária, fazendo com que o seu cachorro possa ser incluído em muitas atividades ao seu lado.


Assista ao vídeo:




0 comentário

Posts recentes

Ver tudo